Bonecarte: teatro de bonecos chega para encantar o coração dos teresinenses

Para aqueles que dizem que o teatro de bonecos é uma diversão somente para a criançada, essa afirmação está completamente errada. Há muito tempo essa expressão artística conquistou os corações de pessoas de todas as idades, uma realidade que é visível aqui mesmo em Teresina. Pensando nisso, o Bonecarte (Mostra de Teatro de Bonecos de Teresina) chega com uma programação imperdível. Com entrada gratuita, acontece nos dias 9, 10  e 11 de outubro, a partir das 18h30, no Teresina Shopping.
O Bonecarte é realizado pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) e visa difundir essa vertente artística como importante parte da cultura popular piauiense e brasileira, oferecendo a população de Teresina o acesso ao teatro e suas mais diferentes formas de manifestação.
Para Kaio Vieira, coordenador de teatro da FMC, o evento está sendo aguardado com bastante expectativa por ser uma manifestação de resistência da arte popular. “Esperamos que seja um grande encontro, pois a mostra de Teatro de Bonecos já é consagrado na cidade, só que agora ganhou uma marca, um nome, que é o Bonecarte. Além do mais, este ano o evento ganhou uma maior dimensão pois acontece em um espaço popularmente frequentado pelos teresinenses”, conta.
A 9ª edição da Mostra de Teatro de Bonecos de Teresina (Bonecarte) promete trazer para o público o espetáculo que somente o teatro pode proporcionar, com bonecos gigantes, mamulengo, fantoches, entre outros. Essa manifestação artística e milenar instiga a criatividade por meio de atividades lúdicas e poéticas.
“Ao longo dos anos, temos visto a dificuldade que é manter a arte popular, mas a Prefeitura, juntamente da FMC, tem conseguido dar suporte, fomentando a cultura popular e ajudando na manutenção dela em Teresina”, diz Kaio.
Programação:
– Dia 09 de Outubro às 18h30 no Teresina Shopping
Apresentadores: Grupo Vagão
Desfile com bonecos gigantes – Cia do Riso – The – PI
O Cavalo das Águas – Cia Calunga – The – PI
Caixa de Chocolate – Cia Isaque – The – PI
Odete a Vedete – Só Olhar Teatro de Lambe Lambe – The – PI
– Dia 10 de Outubro às 18h30 no Teresina Shopping
Apresentadores: Grupo Vagão
O Casamento do Zé Pretim – Cia Mamularte – The – PI
O Sapo Encantado – Cia Riso – The – PI
Odete a Vedete – Só Olhar Teatro de Lambe Lambe – The – PI
– Dia 11 de Outubro às 18h30 no Teresina Shopping
Apresentadores: Grupo Vagão
Desfile com bonecos gigantes – Cia do Riso – The – PI
Encantarias de Cassimiro – Cia Ricardo Moreira – Teresina – PI
As Aventuras de Jeca Valentão – Grupo Biboca – The – PI
Odete a Vedete – Só Olhar Teatro de Lambe Lambe – The – PI

Bibliotecas Municipais levam arte e leitura para as escolas de Teresina

Em homenagem ao dia da leitura, dia do livro e dia das crianças, comemorados em outubro, as bibliotecas municipais criaram uma iniciativa para estimular a interação da sociedade com a produção literária nacional e cultivar a importância da leitura desde a infância. Por isso, neste mês, as bibliotecas se programam para levar arte e leitura às escolas públicas da cidade.
Essa ação foi criada em 2017 com o intuito de apresentar as atividades das bibliotecas para os estudantes da capital de forma que estimule as visitas e desenvolva o interesse pela leitura. De acordo com Etevaldo Oliveira, coordenador das bibliotecas da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), a proposta é expandir o alcance das bibliotecas fazendo com que elas estejam em contato direto com o público. “Essa iniciativa possibilita que as escolas e os alunos vejam que as bibliotecas são também locais de aprendizagem. Dessa forma, elas funcionarão como parceiras das escolas pois, além de desenvolver a leitura, elas levam cultura para as crianças”, diz.
Mantidas pela Prefeitura de Teresina, por meio da FMC, as bibliotecas municipais estão espalhadas por todas as regiões da cidade. Ao todo, são oito bibliotecas que recebem, em média, mais de 30 mil visitantes ao ano. Funcionando como espaços de integração de leitura e aprendizagem, as bibliotecas, além de possibilitar o empréstimo de livros, são locais para que crianças, jovens e adultos tenham contato com a leitura e o universo da informação, ampliando sua percepção de mundo e visão crítica.
Com grandiosos acervos, elas permitem aos visitantes um mergulho na literatura internacional, nacional e local, com obras de autores renomados e de importantíssimo papel na valorização da cultura do estado.
Programação
 
Dia 09/10
Local: Centro de Convivência Saber Viver
Horário: 09h
Apresentação Artística: Banda de Música, Contação de História, Teatro de Bonecos.
Dia 11/10
Local: Unidade Escolar Francisco Prado
Horário: 09h
Apresentação Artística: Banda de Música, Contação de História, Teatro de Bonecos.
Dia 17/10
Local: Unidade Escolar Melvin Jones
Horário: 09h
Apresentação Artística: Banda de Música, Contação de História, Teatro de Bonecos e Bonecos da Disney
Dia 19/10
Local: Centro de Esporte e Lazer Unificado (CEU) – Norte
Horário: 15h
Apresentação Artística: Contação de História, Teatro de Boneco e Banda de Violão.

Sinfonia nos bairros marca presença na Ponte Estaiada neste domingo (06)

O complexo turístico da Ponte Estaiada de Teresina tem se firmado como um grande polo cultural e de entretenimento, atraindo a presença dos cidadãos em busca de programações de alto nível. Portanto, o local não poderia passar despercebido pelo projeto Sinfonia nos Bairros, da Orquestra Sinfônica de Teresina, que se apresenta no local neste domingo (06), às 17h30, gratuitamente à população.
A Ponte Estaiada Mestre João Isidoro França foi projetada para as comemorações dos 150 anos de Teresina, inaugurada em março de 2010, e hoje é um dos mais importantes pontos turísticos da capital, facilitando o deslocamento entre as regiões central e leste da cidade, sobre o Rio Poti. Seu nome foi em homenagem ao primeiro mestre de obras de Teresina, João Isidoro França, que em 1848, foi fundamental para a criação da Vila Nova do Poti, primeiro nome de Teresina.
Desde 2011, a Orquestra Sinfônica de Teresina se propõe a levar a música erudita ao povo onde ele está, de forma gratuita, se apresentando na zona rural ou urbana da cidade, como parte das atividades educativo-culturais que realiza. O objetivo do projeto é proporcionar a um público de todas as idades, a apreciação da música clássica. Dessa forma, o repertório dos concertos é elaborado de forma a mostrar às pessoas um pouco da música de grandes compositores eruditos, como Mozart e Beethoven, mas é mesclado com arranjos especiais de canções populares e hinos religiosos.
A OST é mantida pela Associação dos Amigos da Orquestra Sinfônica de Teresina com a ajuda da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Desde a sua criação, em 1993, a Orquestra se propõe a dar um tratamento sinfônico à música popular brasileira, tendo a primazia de transpor as melodias de grandes compositores populares para a grandiosidade do som sinfônico, com a finalidade de desenvolver um trabalho artístico-educacional, promovendo apresentações em teatros, colégios e praças.

Sanfônica Seu Dominguinhos traz convidados especiais no mês das crianças

Neste domingo (06), a Orquestra Sanfônica Seu Dominguinhos abre a programação dos Concertos Matinais no mês mais pueril do ano. E para homenagear as crianças, contará com as participações super divertidas do palhação Bino Carambolo, do Grupo Vagão e da jovem Analy.

Bino Carambolo é um personagem voltado para o público infantil, com habilidades principalmente musicais e humorísticas. Atuando desde 2013, traz na bagagem, inúmeros trabalhos realizados em teatros, clubes de festa, escolas, shoppings, faculdades e universidades por diversas cidades nos estados do Piauí, Maranhão e Pernambuco, com destaque para o “Criança Feliz”, realizado pela emissora TV Clube. Lançou em 2014, em parceria com o palhaço Tio Biscoly, um CD infantil intitulado “Ludicidade”, com doze faixas autorais e adaptações que resgatam algumas brincadeiras de roda. No seu repertório, predominam em grandes shows, canções da Turma do Balão Mágico, Trem da Alegria, Xuxa e outros do universo infantil.

O grupo Vagão nasceu no Rio de Janeiro em março de 2016, sendo composto por Jimmy Charles, Lucas Emanuel e Sandy Santana. O nome do grupo foi pelo principal local de suas apresentações iniciais: dentro dos vagões dos trens. O criador do grupo, Jimmy, é piauiense e se formou com os colegas, resolvendo logo executar seu projeto social chamado “Palhaçaria”, no qual viaja por todos os estados do país fazendo oficinas e apresentações. Já a terceira participação da manhã, é da pequena Analy, de apenas 10 anos, que estuda acordeon na Escola Dona Gal desde os 09.

O projeto Concertos Matinais ocorre em quase todos os domingos do ano, sempre às 11h da manhã, com entrada franca, e tem como objetivo, levar apresentações musicais de qualidade à população, que passeiam do erudito ao popular. Seu palco é o Palácio da Música de Teresina, instituição mantida pela Prefeitura Municipal, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. A casa fica localizada no cruzamento das ruas Santa Luzia e Treze de Maio, N° 1241, Centro, local onde funcionou o antigo Mercado do Cajueiro.

Sinfônica de Teresina fecha Concertos Matinais de setembro neste domingo (29)

Em todo último domingo do mês, a Orquestra Sinfônica de Teresina é aguardada pela plateia do projeto Concertos Matinais do Palácio da Música! Neste domingo (29), não será diferente, com apresentação gratuita às 11h da manhã.

 

A participação da Orquestra Sinfônica de Teresina em todo último domingo do mês nos Concertos Matinais é uma forma de proporcionar concertos garantidos para que o público consiga se programar para acompanhá-la, assim como o Quinta Sinfônica, que ocorre em toda segunda quinta-feira do mês.

 

A OST é mantida pela Associação dos Amigos da Orquestra Sinfônica de Teresina com a ajuda da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Desde a sua criação, em 1993, a Orquestra se propõe a dar um tratamento sinfônico à música popular brasileira, tendo a primazia de transpor as melodias de grandes compositores populares para a grandiosidade do som sinfônico, com a finalidade de desenvolver um trabalho artístico-educacional, promovendo apresentações em teatros, colégios e praças.

 

O projeto Concertos Matinais ocorre em quase todos os domingos do ano, sempre às 11h da manhã, com entrada franca, e tem como objetivo, levar apresentações musicais de qualidade à população, que passeiam do erudito ao popular. Seu palco é o Palácio da Música de Teresina, instituição mantida pela Prefeitura Municipal, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. A casa fica localizada no cruzamento das ruas Santa Luzia e Treze de Maio, N° 1241, Centro, local onde funcionou o antigo Mercado do Cajueiro.

Referências matemáticas são usadas em coreografia proposta no Projeto 6ª às 6

Nesta sexta-feira (27) o Projeto 6ª às 6 irá apresentar a proposição “Fórmula do Sensível”, do bailarino e coreógrafo José Nascimento.A proposta será exibida ao público na Casa da Cultura, a partir das 18h, com entrada gratuita.

Em Fórmula do Sensível, José busca referências em coreógrafos importantes, como Merce Cunningham e Anne Therese de Keersmaeker, para unir a matemática e a qualidade do movimento da dança pertencente ao repertório de cada bailarino.

“A ideia é que os bailarinos se movimentem através de pontos marcados em seus corpos e no espaço. Cada movimento é definido através de um sorteio, onde nascem inúmeras possibilidades. Além disso, eles devem se movimentar como se estivessem dançando dentro da água”,explica o coreógrafo.

Fórmula do Sensível faz parte do Projeto 6ª às 6 do Balé da Cidade de Teresina com o apoio da Associação dos Amigos do Balé da Cidade de Teresina, que tem como objetivo propor criações, interações, debates e abrir espaço para os artistas como forma de fazer parte da dança na cidade. “Usamos o espaço para a divulgação do trabalho do Balé da Cidade, a aproximação e a formação de público, com a apresentação de processos artísticos criados em poucos encontros e que ocupam os espaços da Casa da Cultura”, explica Janaína Lobo, coordenadora artística da Companhia.

O projeto surgiu em 2014 e de lá pra cá vem se repensando e se atualizando e a cada ano volta com algo novo, mais maduro, sendo um dos nossos projetos mais longevos, importantes e necessários, pois se alimenta e se afetada com cada edição, trazendo frescor.

Sobre a Companhia

O Balé da Cidade de Teresina é uma companhia pública de dança Contemporânea que vem atuando no cenário artístico local e nacional, contribuindo com o desenvolvimento e aprofundamento da dança piauiense. Vem aproximando a dança da cidade através da sua atuação compromissada em diferentes ações, como temporadas de apresentações públicas, conversas e formação continuada.

O Balé da Cidade de Teresina conta atualmente com 18 membros e é mantido pela Prefeitura Municipal de Teresina através da Fundação Monsenhor Chaves e Associação dos Amigos do Balé da Cidade de Teresina. Tem direção de Chica Silva, coordenação artística de Janaína Lobo e ensaios de Carla Fonseca.

22º Festival de Dança de Teresina começa nesta quinta-feira (19)

Nesta quinta-feira (19), inicia um dos mais importantes eventos da capital, o Festival de Dança de Teresina. Durante quatro dias a cidade sediará o maior encontro de bailarinos e coreógrafos da região, oferecendo oficinas e palestras com grandes profissionais da área.

Em sua 22ª edição, o festival tem como intuito apresentar os jovens talentos para a sociedade, bem como permitir um contato com renomados bailarinos do país, servindo como um espaço de visibilidade para dançarinos em ascensão na arte.

O evento, promovido pela Prefeitura de Teresina por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), é referência no cenário artístico do país. Para Casius Clay, coordenador de dança da FMC, o festival é uma importante vitrine aos artistas da dança.

“Com o encontro de bailarinos e coreógrafos, temos a oportunidade de sermos vistos por jurados renomados que, ao final do evento, proporcionam bolsas de estudos em escolas dentro e fora do país“, conta Casius. Nesta edição, o evento conta com mais de 400 coreografias de 72 grupos dos mais diversos cantos do país que brilharão no palco do Theatro 4 de Setembro. OFICINAS Além das apresentações dos grupos, o festival oferece palestras e cursos de Jazz e iniciação de sapateado americano com Erick Gutierrez; Clássico intermediário com André Malosá e Contemporâneo com Matheus Brusa, que oferecerá palestra de composição coreográfica. As aulas acontecem a partir das 9h na Escola Estadual de Dança Lenir Argento e terão a duração de uma hora e trinta minutos, com limite de 40 alunos por classe. As taxas são de R$ 50 para um curso e R$ 80 para dois.

Sinfonia romântica de Mozart é a próxima contemplada no Quinta Sinfônica

A edição de setembro do projeto Quinta Sinfônica, da Orquestra Sinfônica de Teresina, apresenta a Sinfonia n° 25 de Wolfgang Amadeus Mozart. O concerto será nesta quinta, dia 12, às 20h, no Palácio da Música, sob regência do maestro Aurélio Melo. A entrada é gratuita.
Mozart compôs a Sinfonia n° 25 aos 17 anos de idade. Nada estranho para alguém cuja primeira composição foi aos cinco. Em sua adolescência, foi também influenciado pelo romantismo que se instaurava na Europa do século 18. E a sinfonia n° 25 foi a mais marcante desta fase de sua vida, em tonalidade menor, o que reforça este sentimento pessimista, além de possuir características como saltos e efeitos dramáticos, grandes contrastes dinâmicos e temas angulosos. É a primeira sinfonia do filme “Amadeus”, que retrata a vida do compositor.
Mozart nasceu na Áustria, mestre do Classicismo, estilo oposto ao da composição apresentada nesta edição da Quinta Sinfônica. Considerado um dos músicos mais influentes e destacados da história, faleceu aos 35 anos de idade, muito jovem, mas com uma carreira já bastante consolidada, visto que iniciou sua história musical bem jovem. Aos quatro anos, tocava clavicórdio e compunha pequenas obras de dificuldade considerável. Aos seis, tocava com destreza o clavecino e o violino. Também podia ler partituras à primeira vista, tinha ótima memória e uma incrível capacidade de improvisar frases musicais.
A “Quinta Sinfônica” consiste em concertos totalmente eruditos às segundas quintas-feiras de cada mês, no Palácio da Música, sempre às 20h, com entrada franca. A OST é mantida pela Associação dos Amigos da Orquestra Sinfônica de Teresina e Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Desde a sua criação, em 1993, a Orquestra se propõe a dar um tratamento sinfônico à música popular brasileira, tendo a primazia de transpor as melodias de grandes compositores populares, para a grandiosidade do som sinfônico, com a finalidade de desenvolver um trabalho artístico-educacional, promovendo apresentações em teatros, colégios e praças.

Festival de Dança oferece oficinas e palestra

Em setembro, a capital piauiense recebe mais uma edição do Festival de Dança de Teresina, que ocorre entre os dias 19 e 22. O evento conta com participantes de vários cantos do país que, além da competição, participam de oficinas e palestras com Erik Gutierrez, André Malosá e Mathues Brusa.

Promovido pela Prefeitura de Teresina por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o Festival de Dança de Teresina está na sua 22ª edição e tem como objetivo valorizar e disseminar a dança na cidade, tornando-a uma referência nacional, bem como revelar bailarinos, coreógrafos, criadores e pesquisadores no fazer da dança.

As apresentações dos grupos acontecem no Theatro 4 de Setembro durante a noite e, no turno da manhã, serão realizadas as oficinas e palestras. As inscrições devem ser feitas no próprio dia na secretaria do Evento. Os cursos terão duração de uma hora e trinta minutos, com limite máximo de 40 alunos por aula. As taxas são de R$ 50 para um curso e R$ 80 para dois.

As aulas acontecem na Escola Estadual de Dança Lenir Argento e serão de Jazz e iniciação pra sapateado americano com Erick Gutierrez; Clássico intermediário, com André Malosá; e Contemporâneo, com Mathues Brusa, que ainda oferecerá palestra de composição coreográfica.

Nascido em Piracicaba, André Malosá iniciou seus estudos em dança aos 8 anos sob tutoria de Cidinha Freire. Como bailarino, integrou grandes companhias como Le Jeune Ballet de France e Ballet de la Comunidad de Madrid e realizou turnês por diversos países, dançando obras do repertório clássico bem como de coreógrafos contemporâneos. Em 2017, idealizou e realizou o PRIDANSP – Prêmio Internacional de Dança de São Paulo, um festival que oferece, no Brasil, oportunidades a jovens talentos que habitualmente são oferecidas apenas nos grandes festivais da Europa e dos Estados Unidos.

Erick Gutierrez é diretor de sapateado americano e jazz dance, bailarino, ator, professor e coreógrafo. Graduado em Educação Física pela Universidade de Taubaté, de São Paulo, com cursos de especialização em dança em Nova Iorque, integrou as Companhias de Jazz e Sapateado Cristina Cará, de São José dos Campos, e Cia. Only Broadway, de São Paulo, com direção de Fernanda Chamma, além de integrar o elenco do aclamado musical da Broadway “Os Produtores”, com direção de Miguel Falabella, onde também ministrou aulas de sapateado para o elenco. Premiado por dois anos consecutivos em 1º lugar na categoria Jazz Avançado no Festival de Dança de Joinville – SC, é ainda diretor artístico e proprietário da Fantastika Produções, onde dirige, produz e coreografa shows e espetáculos para eventos e empresas pelo Brasil.

Matheus Brusa é diretor, Coreógrafo, Professor de Dança Contemporânea e Composição Coreográfica, Jurado, Cenógrafo, Iluminador, Palestrante e Compositor de Trilhas Sonoras. Já conquistou centenas de prêmios, dentre eles 25 de Melhor Escola, 18 de Melhor Coreógrafo, 13 de Melhor Coreografia e 6 de Melhor Bailarino em festivais pelo Núcleo Artístico Ballet Margô e mais de 30 editais municipais e federais, na sua maior parte pela Cia. Matheus Brusa, dentre eles, três Prêmios Klauss Vianna da Funarte e dois do Itaú Cultural.

Divulgado o resultado do concurso Canção para Teresina 167 anos

 

 

O concurso Canção para Teresina surgiu como uma forma de parabenizar a cidade pelos seus 167 anos, exaltando toda a beleza e singularidade da capital através de letras e versos musicados. Com mais de 30 inscrições, foram selecionadas 10 músicas para uma votação popular que ocorreu por meio de curtidas na rede social Instagram e, em uma disputa acirrada, o público definiu o grande vencedor.

 

Promovido pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), o concurso “Canção Para Teresina 167 Anos” tem como  objetivo estimular e valorizar os talentos musicais da cidade sendo eles profissionais ou amadores, como conta Paulo Dantas, gerente de promoção cultural da FMC: “É um concurso para exaltar a nossa cidade, falar da nossas particularidades, as nossas belezas, além de exaltar o talento dos nossos artistas

 

Os vídeos inscritos foram os mais diversos. Com gravações solos ou acompanhadas de instrumentos, muitos artistas desenvolveram letras que evidenciam as belezas naturais, os pontos turísticos e o acolhimento do povo teresinense.

 

Os competidores foram avaliados através da criatividade melódica, poética e competência gramatical para a seleção da melhor representação. Durante quatro dias, período disponível para visualizações, curtidas e comentários no Instagram, o público pode decidir qual canção melhor retratava Teresina e por isso merecia levar o prêmio.

 

Com diversas campanhas criadas por fã-clubes dos participantes, a disputa por curtidas foi bastante concorrida, mas, ao fim, o público elegeu o canção de Mateus Carvalho (@mateus_carvs) como a melhor, com mais de 6,5 mil curtidas. Além do troféu simbólico, Mateus também leva o prêmio no valor de R$ 5mil. Confira abaixo um trecho da letra:

 

“Ver o sol cobrir você

em teus rios poder entrar

nesta força que me anima

em meu peito a desaguar

Teresina, pequena flor

Teresina, só tu és o meu amor”

 

 

Link na íntegra da canção vencedora:

https://www.instagram.com/tv/B1jeFZDjTKm/?igshid=1rmir34pp1c6z