Em setembro, a capital piauiense recebe mais uma edição do Festival de Dança de Teresina, que ocorre entre os dias 19 e 22. O evento conta com participantes de vários cantos do país que, além da competição, participam de oficinas e palestras com Erik Gutierrez, André Malosá e Mathues Brusa.

Promovido pela Prefeitura de Teresina por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o Festival de Dança de Teresina está na sua 22ª edição e tem como objetivo valorizar e disseminar a dança na cidade, tornando-a uma referência nacional, bem como revelar bailarinos, coreógrafos, criadores e pesquisadores no fazer da dança.

As apresentações dos grupos acontecem no Theatro 4 de Setembro durante a noite e, no turno da manhã, serão realizadas as oficinas e palestras. As inscrições devem ser feitas no próprio dia na secretaria do Evento. Os cursos terão duração de uma hora e trinta minutos, com limite máximo de 40 alunos por aula. As taxas são de R$ 50 para um curso e R$ 80 para dois.

As aulas acontecem na Escola Estadual de Dança Lenir Argento e serão de Jazz e iniciação pra sapateado americano com Erick Gutierrez; Clássico intermediário, com André Malosá; e Contemporâneo, com Mathues Brusa, que ainda oferecerá palestra de composição coreográfica.

Nascido em Piracicaba, André Malosá iniciou seus estudos em dança aos 8 anos sob tutoria de Cidinha Freire. Como bailarino, integrou grandes companhias como Le Jeune Ballet de France e Ballet de la Comunidad de Madrid e realizou turnês por diversos países, dançando obras do repertório clássico bem como de coreógrafos contemporâneos. Em 2017, idealizou e realizou o PRIDANSP – Prêmio Internacional de Dança de São Paulo, um festival que oferece, no Brasil, oportunidades a jovens talentos que habitualmente são oferecidas apenas nos grandes festivais da Europa e dos Estados Unidos.

Erick Gutierrez é diretor de sapateado americano e jazz dance, bailarino, ator, professor e coreógrafo. Graduado em Educação Física pela Universidade de Taubaté, de São Paulo, com cursos de especialização em dança em Nova Iorque, integrou as Companhias de Jazz e Sapateado Cristina Cará, de São José dos Campos, e Cia. Only Broadway, de São Paulo, com direção de Fernanda Chamma, além de integrar o elenco do aclamado musical da Broadway “Os Produtores”, com direção de Miguel Falabella, onde também ministrou aulas de sapateado para o elenco. Premiado por dois anos consecutivos em 1º lugar na categoria Jazz Avançado no Festival de Dança de Joinville – SC, é ainda diretor artístico e proprietário da Fantastika Produções, onde dirige, produz e coreografa shows e espetáculos para eventos e empresas pelo Brasil.

Matheus Brusa é diretor, Coreógrafo, Professor de Dança Contemporânea e Composição Coreográfica, Jurado, Cenógrafo, Iluminador, Palestrante e Compositor de Trilhas Sonoras. Já conquistou centenas de prêmios, dentre eles 25 de Melhor Escola, 18 de Melhor Coreógrafo, 13 de Melhor Coreografia e 6 de Melhor Bailarino em festivais pelo Núcleo Artístico Ballet Margô e mais de 30 editais municipais e federais, na sua maior parte pela Cia. Matheus Brusa, dentre eles, três Prêmios Klauss Vianna da Funarte e dois do Itaú Cultural.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).